Quem Somos

O COLÉGIO IMACULADA CONCEIÇÃO
Com o objetivo de ser uma Instância Evangelizadora na Capital Federal que despontava no cenário Nacional, em 1964 foi fundado, em Brasília, o Colégio Imaculada Conceição.
Valorizando a dimensão Mariana do Projeto Educativo Passionista e a grande devoção local à mãe de Jesus, o Colégio foi credenciado com o nome de "IMACULADA CONCEIÇÃO".
Dirigido e animado pela Irmãs Passionistas o Projeto Político Pedagógico é firmado nos sólidos princípios do Projeto Educativo Passionista e na legislação local e nacional.
Ao longo dos 46 anos de funcionamento, o Colégio Imaculada Conceição, em um empenho de educação para os valores, tem evangelizado educando e educado evangelizando.
Na convivência vivemos a relação dinâmica entre o aprender e o ensinar que nos abre à acolhida do outro e ao enriquecimento mútuo, atitudes que nos autorizam e nos habilitam como educadores.
Temos como centro iluminador Jesus Crucificado que doou-se, sem reservas, para que "todos tivessem vida e vida em abundância." Nesse sentido, o Projeto Educativo Passionista quer ser um itinerário que favorece a humanização e a construção coletiva de um saber colocado a serviço de "mais vida."
Considerando a pessoa como "imagem e semelhança de Deus" aderindo e concretizando o projeto de Maria Madalena Frescobaldi, fundadora da Congregação das Irmãs Passionistas, nos empenhamos em "educar, no amor e para o amor" como Jesus que gastou sua vida acolhendo, conversando, acreditando, ensinando.

PRINCÍPIOS
Ao longo desses anos de funcionamento, construindo um saber a serviço da vida, o Colégio Imaculada Conceição vem "Ensinando e Aprendendo" promovendo e vivendo os valores da fraternidade, do respeito, da solidariedade, viabilizando a inclusão. 
A firmeza dócil e a docilidade firme são atitudes que transformam nossa ação educativa em projeto evangelizador,na partilha da construção solidária de um mundo justo e feliz.

BASE FILOSÓFICA
Na pedagogia passionista a pessoa é concebida como:
- ser criado à "imagem e semelhança de Deus";
- ser individual, irrepetível, racional e livre;
- ser em processo, que tende à realização de si mesmo;
- ser aberto ao amor, ao transcendente;
- ser social orientado para o outro, para 
o mundo e situado na história;
- ser marcado pelo mal que, estruturado,
desorganiza e desumaniza as pessoas;
- ser redimido pela doação de Jesus Cristo que, 
"nos amou e por nós, sem reservas, se doou".